sexta-feira, 25 de novembro de 2011

Protocolos

Frios votos protocolares
não saciam a fome
que de ti eu tenho.

Eu deveria, bem sei,
sufocar o amor que
por ti eu sinto,
mas não consigo
trair essa verdade.
Nem saberia
mentir-te.
Mentir-me.

Não te desejo amiga,
pois o que te sinto
espalha-se pelos
"Quatro-Cantos"
e reverbera
em outros tantos.

Quero-te mulher.
Quero-te Lua.
Quero-te mesa crua.
Quero-te cama nua.