quinta-feira, 1 de setembro de 2011

Cerejeiras

As cerejeiras
floriram depois
de Maio.

Chegados estão
os maduros amores e
as maduras cerejas.
Brisas benfazejas
dispensam inúteis
proezas,
pois é tempo
de pura leveza.
Tempo de vontade
atrevida,
da saudade mais
doída
e da espera mais
sentida.
Tempo, de novo
brinde à vida.

As cerejeiras
só floriram
depois de Maio...