quinta-feira, 28 de março de 2013

Soneto Lirico


As luzes que um anjo
acende no Céu
iluminam os sonhos
que o Sereno semeia no Mundo.

Amanhã brotarão os girassóis
e os caminhos estarão livres
para a procissão de
palavras e rimas.

Solene passará a segunda quadra,
e presto aportará
a terceira esquadra

e dentre mastros e bandeiras
logo se verá a Estrela acendida.
São os olhos da Musa escolhida.