quinta-feira, 22 de julho de 2010

Inocência

- Crime?
- Brasileiro.
- Creme?
- Puro.
- Por que?
- Imigrantes que procuro.
- Por isso o matou?
- Foi. Não se pode descuidar. Terroristas matam
[inocentes].
- E agora?
- Nada. Com o tempo se esquecerá.
- Será?
- Pode apostar. Foi só mais um.
- Mais café?
- Não posso. Preciso matar mais algum.


                                   Para Jean Charles.