quarta-feira, 3 de setembro de 2014

O Verso


Escondeu, as asas do colibri,
o verso que não se disse.
Talvez, ao voar,
consigo ele leve o silêncio;
e, então, a poesia libertada
cantará a Musa amada.


Para a moça bonita.

Produção e divulgação de Pri Guilhen, lettré, l´art et la culture, assessora de Comunicação e de Imprensa. Rio de Janeiro, inverso de 2014