terça-feira, 22 de março de 2016

Verdes



O espelho do mar de Botafogo
já não se faz verde como antes,
pois eis que novos verdes
brilham nos olhos
que a vida me deu
como farol
dos novos portos. 



Para Papillon. Saudade
Lettre la Art et la Culture