terça-feira, 5 de julho de 2016

É Tempo


Agora, que os caminhos já foram percorridos;
os amores foram chegados, as separações foram choradas,
os corpos foram despidos e as almas foram reveladas
é tempo de contar as partidas
e saber que a velhice
é só o exercício do adeus.